sexta-feira, 22 de julho de 2011

Novas camisas do Goiás (2011-2012)

Clique na foto para vê-la ampliada. Foto: Site do Goiás

O Goiás apresentou na quinta-feira (21) seus novos uniformes para a temporada 2011/2012. A Lotto segue como fornecedora de material esportivo da equipe esmeraldina e, ao meu ver, acertou em cheio na nova coleção.

A camisa titular, que no modelo anterior era verde com finas listras verticais prateadas, agora possui dois tons de verde. Lembra um pouco o terceiro uniforme do Palmeiras, lançado no ano passado (clique aqui para vê-lo), mas não deixa de ser bonita por isso.

A gola (que ficou muito bacana) e os punhos em branco deram um bom equilíbrio, assim como a logomarca da Lotto nas mangas. O melhor de tudo e a ausência de patrocinadores. Ruim para os cofres do Clube, mas ótimo para os colecionadores...

Clique na foto para vê-la ampliada. Foto: Site do Goiás

A camisa reserva segue o padrão usado pela Lotto no uniforme principal do Bahia. A diferença está apenas nas cores utilizadas. Independentemente de ser um layout padrão, ele é muito bonito e caiu bem para o Goiás.

Clique na foto para vê-la ampliada. Foto: Site do Goiás

A camisa de goleiro vem numa tonalidade de verde que já foi utilizada em modelos anteriores usados pelo próprio Harlei - dono da camisa 1 do time há 12 anos. Bem simples, esse modelo também agrada.

Gostei de todas as camisas, mas sou suspeito. Tenho grande simpatia pelo Clube e várias camisas esmeraldinas na minha coleção - que compartilho agora com você. Todas são "camisas de jogo".













Curiosidades

O Goiás Esporte Clube foi fundado em 6 de Abril de 1943.

O primeiro uniforme foi emprestado pelo América-MG e era verde com uma listra branca horizontal, na altura do peito. Detalhe: o time tinha apenas nove camisas disponíveis no dia de seu primeiro jogo, contra o Atlético-GO, e entrou em campo com duas camisas brancas.

A equipe disputou seu primeiro Campeonato Brasileiro da Primeira Divisão em 1973. Terminou em 13º lugar, mas uma partida chamou a atenção. No Pacaembu, o Santos vencia por 4 a 1 e Pelé foi substituído. Paghetti marcou três gols nos últimos 15 minutos de partida e o jogo terminou 4 a 4. Relatos da época dizem que o Rei do Futebol achava se tratar de uma brincadeira do colegas ao ser informado do resultado final do confronto.

O Goiás foi rebaixado três vezes para a Série B. A primeira foi em 1993, mas a equipe retornou à elite no ano seguinte após sagrar-se vice-campeã da Segunda Divisão. A segunda vez foi em 1998, mas o time deu a volta por cima ao conquistar o título da Segundona logo no ano seguinte. A última queda foi no ano passado.

Um comentário:

Anônimo disse...

Muito legal, mostrar a camisa e o lado histórico do Clube.Texto muito bom

Postar um comentário

Postar um comentário

AddThis Smart Layers

Contato

camisariafutebolclube@hotmail.com